Após vistoria, MPPE cobra soluções para o IML Caruaru

Notícias
Publicado por Karol Matos
26 de maio de 2022 às 18h45min
Foto: Reprodução

O Ministério Público de Pernambuco está cobrando soluções para a situação do Instituto de Medicina Legal de Caruaru. O procedimento surgiu após uma vistoria realizada no dia 6 de abril deste ano. De acordo com o promotor de Justiça, Itapuan de Vasconcelos Sobral Filho, foram identificados diversos problemas estruturais e técnicos.

O relatório destaca a necessidade de uma nova câmara frigorífica para os corpos, um aparelho de raio x para perícias, além de material e uma sala específica para realizar as radiografias. O texto ainda pontua as precárias condições dos dois rabecões que atendem ao IML Caruaru e a necessidade de substituição. Os veículos estão sem condições de uso, o que vem gerando a violação dos corpos. Atualmente, ainda segundo o Ministério Público, o IML Caruaru atende a aproximadamente 3 milhões de pernambucanos de 93 municípios.

Foi instaurado um procedimento administrativo para buscar soluções para o IML Caruaru. O promotor Itapuan solicitou que o diretor da unidade e a Secretaria de Defesa Social apresentem explicações e medidas para sanar os problemas. Eles terão um prazo de 30 dias para o envio das informações.

Karol Matos

Ouça agora AO VIVO