Com escolas premiadas, Recife é destaque na cerimônia da OBMEP

Notícias
Publicado por Américo Rodrigo
7 de novembro de 2022 às 20h15min
Foto: Divulgação/IMPA

Nesta segunda-feira (7), os ministérios da Educação e da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), realizaram a cerimônia da 15ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP). O evento, com sede em Salvador, na Bahia, faz parte de um projeto nacional destinado às escolas públicas e privadas brasileiras, realizado pelo Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA) com apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM). Além de premiar os medalhistas de ouro, a solenidade também contou com um momento de homenagem ao ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos. O prefeito do Recife, João Campos, esteve presente na solenidade. 

Aqui eu recebi uma homenagem, em memória, em nome do meu pai Eduardo Campos, porque a Olimpíada foi criada por ele, quando era ministro de Ciência e Tecnologia, no ano de 2005. Eu lembro ainda muito novo, dentro de casa, ele dizendo que iria fazer a maior olimpíada de matemática do mundo. Que era possível, que na China tinha alguma que girava em torno de 10 milhões de estudantes e que ele conseguiria fazer uma maior. Ele acreditou na ideia do professor Camacho, que era do  Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA), ele colocou aquela ideia para frente, contou com a aprovação dessa ideia pelo presidente Lula e hoje a gente participa aqui dessa homenagem, foram 18 milhões de participantes dessa última edição”, lembrou o gestor. 

Já são 17 edições e essa fez uma justa homenagem a Eduardo Campos, que enquanto ministro acreditou nesse sonho e foi responsável, junto com tantos, por criar a maior olimpíada de escola pública do mundo de matemática, 18 milhões de participantes. Então, cada escola que tem um aluno participando, cada aluno que é reconhecido pelo seu empenho, sua dedicação, no estudo, na aprendizagem, na matemática, com certeza pode fazer a diferença na vida de muita gente. É uma alegria grande poder receber essa homenagem, onde meu pai estiver, ele está muito feliz de ver a OBMEP, 17 anos depois da sua criação, embalando milhões de jovens brasileiros por um mundo melhor”, finalizou o prefeito João Campos.

A lista de homenageados ainda inclui a deputada federal Tabata Amaral, que teve a vida transformada por meio da competição, além de Elizabeth Jaskow Mac Nicol, superintendente da B3 Social, e Wagner Victor, ex-secretário de Educação do Rio de Janeiro. 

A OBMEP realiza competições no Nível 1 e Nível 2, sendo o primeiro destinado a estudantes de sextos e sétimos anos, enquanto o segundo envolve alunos dos oitavos e nonos anos do Ensino Fundamental. No pódio, a Rede Municipal do Recife conquistou duas medalhas de bronze, sendo a de Nível 1 arrematada por Maria Fernanda Gomes, da Escola Municipal Oswaldo Lima Filho, de Boa Viagem, e do Nível 2 por Fernando Gabriel de Araújo, da Escola Municipal Antônio Heráclio do Rego, de Água Fria.

Criada em 2005, a Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas nasceu com o objetivo de estimular o estudo da matemática e identificar talentos na área, a fim de contribuir para a melhoria da qualidade da educação básica e promover a inclusão social por meio da difusão do conhecimento. Além das medalhas de bronze da Rede do Recife, 18 estudantes de escolas municipais da capital pernambucana do Nível 1 receberão menções honrosas, bem como 13 alunos recifenses do Nível 2.

Américo Rodrigo

Ouça agora AO VIVO