Rosângela Moro poderá ‘representar’ o marido como candidata por São Paulo

Notícias
Publicado por Karol Matos
14 de junho de 2022 às 16h30min
Foto: Ben Gabbe

O ex-ministro e ex-juiz Sergio Moro (UB) anunciou, nesta terça (14), que a esposa dele, a advogada Rosângela Moro, poderá “representá-lo” como candidata em São Paulo. Ela tem sido cotada para disputar uma vaga na Câmara Federal, depois que o marido teve a transferência de domicílio para a capital paulista barrada pela Justiça Eleitoral.

A afirmação foi dada durante uma entrevista coletiva realizada em Curitiba e convocada pelo próprio Moto e seu partido, União Brasil. “Minha esposa permaneceu em São Paulo e estará pronta para me representar com meus princípios e valores e os dela. É decisão dela se vai ou não seguir uma carreira política”, disse Sergio Moro. 

Presente na entrevista coletiva, Rosângela preferiu desconversar dos questionamentos dos jornalistas, afirmando precisar resolver antes algumas questões pessoais. “Essa resposta ainda não vou poder dar, é uma decisão ainda não tomada”, alegou. Apesar disso, a advogada foi chamada de “deputada” por apoiadores no local.

Uma semana depois de ter sua transferência de domicílio eleitoral para São Paulo indeferida, restou para Moro tentar uma vaga de governador ou deputado, seja estadual ou federal, pelo Paraná. Na coletiva de hoje, o ex-juiz disse que pretende se “reconectar” com o eleitorado paranaense e que quem deverá definir seu destino político será a população.

“Há muitos questionamentos sobre o que farei no Paraná. Mas meu objetivo primário é circular o Paraná, me reconectar com o povo paranaense. E essa decisão será tomada junto com o União Brasil. E, acima de tudo, quem vai decidir isso é a população paranaense, ouvindo, vendo o que tem sobre problemas, relatos e as soluções que busca”, declarou.

Karol Matos

Ouça agora AO VIVO